198

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Quando eu fiz 9 anos, décadas atrás, meu bolo de aniversário foi feito pela cozinheira super qualificada que passou anos em casa. Por algum motivo ela julgou que seria total sucesso fazer um bolo de:

( ) brigadeiro
( ) cupcakes
(X) fécula de batata

Porque, né? Que mais uma criança pode querer na vida? Enfim, foi a primeira vez que eu me lasquei com um bolo de aniversário

 

Até então o mundo tinha sido uma felicidade nutrida com bolo Floresta Negra. Aniversário em casa, com 2 ou 3 amiguinhos da escola, família, amigos dos pais. Na escolinha um bolo de chocolate com recheio de brigadeiro, glacê e morangos enfeitando.

Aliás, entendam: glacê > creme de barbear > chantilly.

Não existia isso de festa de dezenas de milhares de reais. Também não usava buffet de cupcakes e lembrancinhas no quarto da parida. Os muito íntimos iam dar um oi, os médio íntimos iam visitar a criança semanas depois (me ensinou minha mãe, que a gente só visita bebê, depois que ele já tenha saído de casa).  Os não íntimos, só conhecem a criança no aniversário de 1 ano. Mas parece que hoje não usa. Que o que usa é otimizar toda oportunidade de exibir. Grana, amizade, adega, casa, suíte na maternidade, etc. Até a criança virou troféu.

Aí veio a tal da pasta americana e o mundo  nunca mais foi o mesmo.

Primeiro que esqueceram que por mais bonito que seja, o objetivo ainda é comer o bolo na festa. E pra isso ele tem que ser gostoso. Bela merda esses bonequinhos de biscuit, bichinhos, coisinhas engraçadinhas. Serve pra convidado ficar atrapalhando o acesso aos brigadeiros porque tá tirando foto. 

Nionde que as pessoas aprendem a fazer esse bonequinhos? Revista? Fascículo? Site de dicas para arrasar na decoração do seu bolo. Vai ver é daí que surgiram as cupcakeiras: não prestaram pra fazer bonequinhos em bolos de tamanho real, resolveram diminuir a responsabilidade e assim evitar desperdício.

Segundo que as pessoas não tem o menor pudor em mentir pra fulana que vai fazer os bonequinhos. Aí o bonequinho retrata o dono da festa (ou noivos) com a mesma fidelidade de um avatar: como a gente gostaria que fosse.

Fui num casamento de uma fulana perua cafona anoréxica, com um fulano totalmente escroto de mercado financeiro, cheirador de pó. Sobre o bolo os bonequinhos: ela linda e loira, toda gostosa em um vestido deslubrante e ele meio bombadinho segurando uma prancha de surf.

Eu já defini que se o confeiteiro fez um stand up no bolo, é pra disfarçar que o bolo é uma merda.

A coisa toda de festinha é meio uma merda. Os pais deveriam adorar as festinhas porque poderia ser uma folga pra irem ver a vida lá fora, sem um rebento pendurado na barra da calça pedindo pra ganhar um iPhone com 3 anos de idade.  Mas não, festinha hoje o os pais têm que ir e ficar. Acho que deve ser manifestação da falência do casamento. Povo talvez não queira ficar sem crianças por perto, porque teriam sei lá, que DERREPENTE conversar ou transar.

Mas que esperar de gente que convida pro NIVER DO FILHÃO? Não muita coisa. Nem do filhão que cresce e vai comemorar o aniversário com um CHURRAS PRO PESSU DA FACUL. Ele banca os espetos e você leva o que for beber. Aliás esse conceito de “leva o que for beber”, eu nunca entendi. Se cada um levar mesmo o que for beber, que acontece? Não um 12 – pack ou uma garrafa de vódega pra misturar com o clight. Só o que for beber. E o povo que leva Bavaria mas bebe as suas Stellas? Isso é coisa de amigo?

Mas né, devo estar errada. Tô velha. Na minha época se escolhia se o bolo ia ser de brigadeiro, morango ou doce de leite. Hoje você tem que escolher se vai ser da Rihanna, do Bob Esponja ou do Glee. Sou do tempo em que as pessoas compravam uma máquina analógica e um filme de 24 poses e tiravam fotos da tranqueira da festa e dos convidados com cara boa. Ninguém podia ver a foto ou pedir pra tirar outra. Tinha 24 fotos, um bolo e um parabéns. Hoje povo compra maquina digital com cartão de memória pra tirar 2milhões de fotos faz o que? Tira foto artística. Tira foto da criança sorrindo na piscina de bolina, e do aniversariante dançando bêbado, pra ser zoão na internerds depois. E quando a festa acaba fotografa em macro uma forminha de brigadeiro vazia que caiu no chão, e coloca no Facebook: ACABOU-SE O QUE ERA DOCE. (Já vi, juro.)

CONCLUSÃO
Profissão: boleira
Receitas disponiveis: 2
Desenhos e enfeites disponiveis : 4.532
Sigo defendendo: troco seus bolos esculpidos de um milhão de dólares por um bolo Pullman e um pote de Nutella.

Acabo-se o que era texto.

Continuem deixando sugestões nos comentários.
O que orkutizou na sua opinião?

  • Andrea

    Essa eu tenho q compartilhar..to aqui passando uma temporada nos EUA, dai
    hj rolou um bolo de aniversario pra uma menininha de 1 ano.
    La fui eu experimentar o bolo, ja sabendo q poderia ser aquela coisa de bolo americano..
    dai uma amiga brasileira se adiantou.. “nooooosssa, parece bolo brasileiro. uma delicia..”
    la fui eu comer..
    estava no segundo pedaco.. nao comi o tal glace.. pergunto quem fez:
    uma colombiana. delicia de bolo..
    fazendo sucesso nos eua com tradicionais bolos “bolivianos” ous eja, bolo com gosto de bolo. e nao com gosto de plastico ou com gosto de massa pronta q eh so jogar agua da Martha Stewart..
    repare bem nesse nome, jaja essa praga chega ai no Brasil pra “facilitar a vida da dona de casa”

    com relacao ao texto: diria q eh um texto tenso.. mas concordo em genero numero e grau.

    bjo

    • Andrea

      ops.. eh boliviano, boliviano.. rsss

    • Carolina Mendes

      Bolo de caixinha já existe aqui faz anos.

      E pode me julgar, mas tem uns bem bons.

      • Debora

        Tem uns bons, sim!!! De marca legal…
        O duro são as massas prontas proa bolinho de chuva, pra Brownie, e mais um monte de coisas que era de vó, mas tá ficando difícil!!!

        • Carolina Mendes

          Tem umas coisas que são tão fáceis, né?

          Num vejo sentido em vender massa pronta.

          Gente preguiçosa, credo.

          • Andrea

            Eu sei q os bolos de caixinha ja existe no Brasil.. aquele bolo pra quem tem preguica ou como eu nao sabe fazer bolo direito..

            mas bolo de festa/torta, aquele q vc teoricamente paga mais caro pra ser fresquinho? encomendado na “boleira”…
            ai eu acho uo.. e pelo q vi, os bolos de “boleiras” daqui sao em sua maioria da mesma caixa, ai fica tudo o mesmo gosto.

    • Debora

      Andrea… a Martha Stewart já chegou aki!!! Pelo menos para as mais fanáticas!!!
      Bolo bom é ótimo, bolo bonito de pasta americana é aquele que vc faz pose no casamento (de enfeite) e serve o bom que está na cozinha!
      Pra comer, ainda prefiro os de “antigamente”!

      • Carolina Mendes

        Prefiro os bolos de antigamente tbém.

        • Andrea

          poise prefiro os de antigamente tb!

      • Angelina

        Verdade… já vi isso numa doceria pequena aqui da minha cidade.

        Eles fazem bolos ótimos, só tem 5 sabores há décadas: Branco(aquele gelado com creme, glacê, cerejinhas e raspas de chocolate branco), Chocolate (igual ao branco só que tudo de chocolate) Brigadeiro (auto-explicativo), Prestígio ( mais auto-explicativo ainda) e Sonho-de-Valsa (mistura do branco e do preto com muito bombom picado por cima do glacê.

        Um dia tava por lá e reparei numas fotos na parede, de uns bolos cheios de frufru, em andares, e essas coisas. Assustada, perguntei pra dona, que fica no balcão: “Não sabia que vocês faziam esses bolos assim”. Ela me respondeu: “Ah, mas isso aí é só decorativo, são uns moldes de isopor e papel alumínio, só tem a cobertura bonita em cima, o bolo de verdade fica na cozinha pra servir em pedaços”

  • @leevanpereira

    Festa de criança tem que ser bolo de chocolate e ponto… Quem foi que disse que criança gosta bolo com recheio de pêssego, abacaxi?
    Esses dias fui num aniversário que tinha uma pita mesa linda, cheia de doces, ai depois eu descobri que era tudo cenográfico! O bolo era de ISOPOR, a galera fez uma ceninha cantando parabéns na frente daquele bolo e depois vieram servir um bolinho seco já cortado. Decepção!

    • Lucas Miranda

      hahahahah o aniversário do meu sobrinho *que minha irmã não ouça. teve bolo de castanha do pará e canapé. Porra, faz coxinha, brigadeiro e cachorro quente. PORRA

      • Carolina Mendes

        Porra, não estraga o último foco de resistência anti hipster: comida de criança.

    • Carolina Mendes

      Ai gente, que triste.

  • Lucas Miranda

    é isso carolina, bolo bom geralmente não dura pro dia seguinte, o pessoal leva em marmitex pra casa. Mas não existe nada melhor que bolo bom no café da manhã do dia seguinte. Se for de senho tem jogar no lixo.

    • Carolina Mendes

      Verdade verdadeira.

  • Vanessa

    e bolo de casamento de 6 andares que 4 são fake?
    Ai na hora de cortar o bolo não pode porque ele é alugado e vai sair dali pra outra festa. Chama os garçons que já saem de dentro da cozinha com o o ”bolo” cortado.

    • Carolina Mendes

      Gente. Que casamentos são esses que vcs tão indo?

    • Leka

      Nossa, já vi muito! teve uns casamentos chiquetosos que eu fui (da elite) e o bolo era fake. só para a “pose”. ai depois eles serviam torta, e o bolo de mil andares ficava lá. fazendo cena na festa.

      pior foi minha amiga que na mesma ocasião roubou um confeito do bolo e botou na boca na maior vontade, tadinha, era de prástico. (Ok, na hora eu não senti tanta pena assim)

      mas isso de bolo fake por aqui é supercomum

  • Gabriela V.

    Muito bom o texto, mas discordo. Existem milh;oes de bolos deliciosos e lindos. Você faz parecer que bolo bom tem que ser feio e mal feito, discordo. Desculpa

    • Pedro

      Oi Carolina, realmente, seu texto está bem baixo astral. Não sei se conhece, CAKE BOSS é um programa famoso nos EUA e passa aqui no Brasil no TLC. É um reality show de uma confeitaria famosíssima por lá. O trabalho do Cake Boss não é desenvolver receitas geniais é criar verdadeiras obras de arte. Extamente o contrário do que você disse. Segue o link pra você ver do que estamos falando http://www.carlosbakery.com/WeddingCakes/Floral.php

      • Ana

        Cake Boss? SÉRIO? hahaha… só pode estar maluco… é exatamente desse tipo de bolo que ela está falando no texto! tipo de bolo que nem deveria existir!

        • http://twitter.com/jheugenio João

          Por mais que os bolos do Cake Boss sejam maravilhosos, como são os do Ace of Cakes, muitos deles nem são bolos de verdade, ou tem grandes partes sem bolo. Além disso, um bolo de 80 andares e todo decorado demora muito tempo para ficar pronto e a massa tem de ser minimamente densa… enfim: acho que bolo velho e duro não é exatamente o meu preferido, por mais que seja bonito.

          • http://meninadecachos.blogspot.com Nina

            Meu problema com Ace of Cakes, além de o bolo ser com certeza ruim, é o nojo que tenho daquela gente toda sem lavar a mão fazendo aquelas esculturas toscas de pasta americana.
            Faz logo uma maquete, enfia o bolo (bom) embaixo e pronto!

        • http://www.facebook.com/delagostini Matheus Delagostini

          Rafael, ficadica pra voce:

          coloca o botaozinho de curti ou algo similar! comentarios como esse da Ana merecem um +1

          :D

          • http://www.marketingnacozinha.com.br Rafael Mantesso

            Eu resumi todos os botões ‘curtir’ que teriam aqui nos comentários num botão só ali do lado do título. Clica lá!

          • http://www.facebook.com/delagostini Matheus Delagostini

            nao… tem que ser na frente dos comentarios!

      • Paula

        Cara burro. Ele acha que os bolos do Cake Boss são bons, acho que nunca viu a cara do povo que come no programa. É só prestar atenção. Acredita em tudo que vê na TV!!!

      • Rebeca

        Sinceramente, vc só pode estar brincando né?
        Realmente o trabalho artistico do cara é muito bom, não há como negar, mas o bolo é uma bosta, já comi bolo daquela bosta lá, e o pior é q qdo vc vai na padaria do cara (o programa é gravado ma propria padaria dele) vc tem que enfrentar uma fila quilometrica pra conseguir comprar lá, qdo visitei os USA fui na padaria do CAKE BOSTA, era verão e a fila pra entrar na padaria estava tão grande e era um dia tão quente que os alguns funcionários da padaria ficavam distribuindo água pra quem estava na fila e depois de horas esperando, qdo consegui entar e comprei bolo, era uma porcaria, ruim msm, seco, um recheio super estranho, coisa de americano msm!

    • Carolina Mendes

      MILHÕES?

  • Júlia

    òtimo texto Carolina Mendes. Sabe o que é pior no bolo do Bob Esponja? Você não pode enfiar o dedo enquanto dá a volta na mesa. Geralmente tem uma monitora olhando.

    • Carolina Mendes

      POUTZ, verdade. Num tinha pensado nisso.

  • Fernando

    AEEEEEE!! Carolina você é das minhas. Vou deixar aqui uma dica para os pais milionários.

    PAI, NÃO GASTA DINHEIRO NA PORRA DA FESTINHA. DÁ UM PRESENTE FODA PRO MOLEQUE. PORRA. EU TROCARIA 15 FESTAS POR UM MINI CARRO ELÉTRICO.

    #prontofalei

    • L.A.

      Pais milionários fazem 15 festas e compram carros eletricos…

  • Fábio

    Uma palavra: S2

    • Laura

      E isso é uma palavra?

      • Carolina Mendes

        Isso é amor.

    • Carolina Mendes

      S2

  • Livia

    e o tanto que eu odeio gente que faz QUALQUER COISA de biscuit.
    Moça, vai estudar pra concurso público. Sério!

    • Luciana

      Porque “qualquer coisa de biscuit”? tirando os bolos que eu também não gosto, não tem nada de mais fazer biscuit,pois é artesanato como qualquer outro. acredite criei 02 filhos decorando quartos de bebê,fazendo fadas e bruxinhas. paguei a escola particular , o ingles e as aulas de computação.
      Santa massinha que me ajudou muito.Quanto estudar para um concurso público seria muito bom mesmo, se a gente pudesse contar com escolas públicas descentes, aí a gente não tinha que se matar de trabalhar,para pagar tudo particular.

      • http://www.criticozinha.blogspot.com Carolina

        Liga não Lu, aqui 99% das pessoas acha que ser pop é concordar com o texto. Eu verdadeiramente concordo com muita coisa, mas “casos e casos”.

        • Carolina Mendes

          Sério?

        • Carolina Mendes

          Sério?

          Ou será que as pessoas lêem minha coluna pq se identificam comigo? Pq, né? São meus leitores, natural que concordem. Alguns lêem meus textos em todos os sites onde eu tenho coluna.

          Não acho que as pessoas aqui sejam assim tontas de acharem que existe qualquer status em concordar.

          • http://www.criticozinha.blogspot.com Carolina

            Calma Carol, ficou brava por que? Que se identificam com alguma coisa, é fato, visto eu que concordo com a parte que bolo de pasta america é sim uma verdadeira enganação, assim como outros posts, mas que não vem ao caso. Mas, antes de julgar, as pessoas deveriam saber que biscuit de bolo não é a mesma coisa que biscuit de artesanato, que ajudou sua leitora Luciana a tocar a vida dela. Então, antes de qualquer coisa, acho que os pingos tem que estar nos “is”, não se fala mal (ou bem) de uma coisa sem conhecimento de causa. E se muitas pessoas seguem seus posts em vários blogs, mérito seu,claro, vc escreve muito bem e aposto que como eu, muita gente espera as sextas dos seus posts. Afinal de contas, não estou aqui para polemizar nada, só procurar outros comentários meus em seus textos e verá muitas risadas por aí, mas estressar porque alguem leu e contestou? E com certeza você não acha que seus leitores são tontos, se assim o fizesse, nao se daria sequer ao trabalho de escrever… mas é que sabe… a internet é um infinito de possibilidades e “Todo mundo que publica um texto tem que entender que está falando pro mundo, e comunicadores não podem ser levianos. Not an option, love.” ;o*

      • Carolina Mendes

        Adoro quando as brigas não são comigo.

      • mario

        deCente, tia…

    • Carolina Mendes

      Olha, não diria que odeio, mas julgo.

  • christhiany

    Vc só falou dos noivinhos de massinha…e o bolo que é feito de madeira lindamente decorado???? E qdo vem o garçon com o bolo partido parece q foi comprado na padaria de uma vila lá onde o judas perdeu as botas e é ruim pra kct..ngm merece viu.. Suas lembranças de infancia tb são as minhas..e viva o cajuzinho hehe. Bj

    • Carolina Mendes

      Viva! \o/

  • Hahaha

    boteco tem que ser sujo e tosco, bolo tem que ser nojento e feio. É exatamente o tipo de coisas que eu esperaria de você. porque não estou supresa?

    • Pedro Lucas

      E ainda falam que a Carolina generaliza… tsc, tsc, tsc.

      • Carolina Mendes

        Generalizarei: troll nunca mostra a cara pra ser babaca.

        Safe bet.

  • Mário Fagundes


    cupcakeira??

    • olys

      curti!

    • Carolina Mendes

      Olha, não duvido. Elas praticamente me amam.

  • Marta

    Eu faço parte de um grupo de proteção animal, organizamos três bazares por ano para arrecadar verba para castrações, remédios, essas coisas. Daí eu fico fazendo os contatos com as artesãs. PÂNICO de aparecer alguém com coisa de biscuit!!! Eu fazia também as comidas para vender na lanchonete. Comida com ingrediente de verdade, e queriam saber o “segredo” prá ficar tão boa. Oi? Comida de verdade a gente faz com ingrediente de verdade, não botando água na coisa da Martha Stewart. Credo!!!

    • Mário Fagundes


      Marta Stewart? (BRINKS)

    • Carolina Mendes

      Sempre me perguntam qual o meu segredo.

      Segredo: cabola, alho, azeite.

  • olys

    Carolina sua linda….odeio muito o povo que toma minha Stella e traz cintra…

    • Mário Fagundes

      Olys, linda é você. Você vem sempre aqui?

    • Carolina Mendes

      Alá climão.

  • http://twitter.com/gulano Giuliano

    Meu melhor bolo de aniversário foi feito por uma japonesa amiga da minha mãe…

    Era: palitos de chocolate, com bolo de chocolate, recheio de doce de leite e cobertura de chocolate.
    Imagine se eu fui uma criança feliz?!

    Agora… acabou-se o que era doce… doeu!

    • Carolina Mendes

      Te juro que vi num facebook. Se eu achar, posto.

  • Vinícius

    Concordo plenamente. Tão é assim que hoje em dia bolo de aniversário é algo que não me agrada nem um pouco.
    Vale lembrar que além dos bolos cheios de firula e “design by …” há também os bolos que são realmente UMA MERDA. E não sei mais o que é pior hoje, os bolos frufru sem gosto ou os com gosto de bolo pronto de supermercado (cheios de cereja, amendoim e fios de ovos).
    Não bastasse tudo isso ainda tem aquelas crianças que ainda fazem o favor de alagar o bolo ao assoprar a vela.
    É… ando complexado com bolos de aniversário.
    Parabéns pelos posts!

    • Carolina Mendes

      Alargar o bolo? Como assim?

      • Marta

        Deve ser babando. Eca!!!

  • Sabrina Gularte

    Sinto lhe dizer,mas esse é o seu melhor artigo-crônica!

    • Carolina Mendes

      Calma, the best is yet to come.

  • BG

    alguém realmente gosta de comer glacê e marzipan? ATÉ QUANDO?

    boleiras, gastem o dinheiro dos enfeites num chocolate melhor pro recheio e para a cobertura. todos ganham assim.

    • Carolina Mendes

      Taí uma verdade.

  • Rui

    Meu filho faz dois anos em um mês.
    Já enviei esse texto para a mãe dele.
    Ah sim, não me despeço sem o reconhecimento: vc escreve muito bem!

    • Carolina Mendes

      Servindo bem, pra servir sempre.

  • Janaína

    O pessoal inventa no bolo já faz tempo. Lembro da minha decepção no meu aniversário de 8 anos (sei lá, por aí) depois de ver aquela puta messa arrumada, efeitada, com um puta espaço pro bolo. Esse espaço foi substituido por uma caixa de isopor cor de rosa na hora de cantar o parabéns. Dentro da caixa, o bolo gelado (pq né, era essa a intenção), cortado e embrulhado em papel alumínio. E nem vela tinha, pq não ia combinar.
    Deixem as crianças serem felizes com brigadeiro, coxinha e um bolo de chocolate!

    • Carolina Mendes

      Sabe q eu até curtia o bolo embrulhado em papel alumínio?

      Pelo menos não era essa coisa de decoração comestível.

  • Josi

    Sou do tempo da nega-maluca recheada. Sem mais.

    • Camila

      Bolo nega maluca é o melhor!!!

      • Carolina Mendes

        Não diria q é o melhor. Mas certamente tá no top 5.

  • http://twitter.com/jheugenio João

    O pior de tudo são as festas de aniversariantes do mês em empresas em que a pessoa que faz os pedidos das comidas é uma solteirona gordinha – come um mundo em coxinha de frango mas toma coca diet para emagrecer – que tem 5 gatos e mania de fina. Aí os salgadinhos são sempre exóticos que ninguém gosta e que acabam sobrando e o bolo, esperado bolo, é de abacaxi com ameixa. Sério, quem é que gosta de bolo de abacaxi ou bolo de ameixa na vida real? Por que misturar os dois sabores então? Só para uma babaca da firma achar que é chique e estragar a festinha. Porque sempre fica todo mundo meio ressabiado, come uma pequena fatia fazendo cara feia e sempre sobra aquele tanto. Bolo tem de ser de brigadeiro, chocolate, chocolate branco, chocolate com morango, chocolate com chocolate… Tão mais fácil e tão mais seguro! Todo mundo sempre gosta. E àqueles que dizem “bolo de frutas engorda menos, é mais saudável” respondo: amore, para emagrecer o melhor é não comer bolo at all; mas já que vai comer e engordar mesmo, pelo menos come um gostoso.

    • Carolina Mendes

      Melhor um garfada de um bolo de chocolate q um bolo inteiro de frutas.

      No meu mundo.

  • Deborah Alves

    Aniversário de criança tem que ter bolo gostoso e de verdade, docinhos mil (como beijo, brigadeiro, moranguinhos e casadinhos), coxinha e cachorro quente. Na minha época tinha tbm meio-sanduíche de pão de forma com um recheio misterioso que ninguém sabia o que era – mas era bom demais. Essas firulas de copinhos de chocolate com recheio de anis e redução de alho-poró, mais bolo cenográfico cheio dos bonecos de biscuit por cima é broxante. Pq aniversário de criança tem que ter comida boa, para compensar a pirralhada que grita,kkkk.

    Movimento pela volta do brigadeiro de verdade nas festinhas!

    • Deborah Alves

      O espírito de “tem que ter comida boa e de verdade” também vale para casamentos…

      • Carolina Mendes

        Casamento devia ter dj, comes e bebes desde a igreja. Troço chato demais.

    • Carolina Mendes

      A gente devia fazer uma marcha.

      • Deborah Alves

        A marcha pela volta do brigadeiro de verdade!! #Euvou!!

  • nina

    ótimo texto, carolina, minha filha. mas e esse derrepente ai? tudo junto mesmo?

    • http://algunsmomentos.blogspot.com Paulinho

      licença poética.

    • Carolina Mendes

      Piada, né gata?

      tá até em caps…

      • http://www.marketingnacozinha.com.br Rafael Mantesso

        Daqui a pouco ela vai reclamar da foto.

        • Carolina Mendes

          Ai ai, toda vez a gente vai ter q explicar?

          • Karla

            Ah, mas é muito feio. Nem de brincadeira dá para aceitar um erro desses!

  • http://rodopex.com Rodopex

    PQP, gosto muito dessa coluna Jantando no Orkut! Graças a Deus, todos os meus bolos foram feitos pela minha mãe, que não é boleira mas manda muito bem nos aniversários. Sempre bolos de chocolate com morangos e doce de leite. o que poderia variar sempre era a cobertura que, ou era raspas de chocolate ou morangos! Sempre todos fantásticos e molhadinhos!

    • Carolina Mendes

      Aguardo convite pra um aniversário seu.

  • Pedro Lucas

    E bolo com foto da criança/desenho!? Sério que ninguém tem medo de comer aquele monte de corante?! De comer uma folha impressa com tinta comestível?!

    E outra coisa que me pergunto: por que raios a maioria dos bolos de casamento são de ameixa, e não de chocolate?! Na minha terra, chocolate é sempre mais gostoso do que qualquer coisa.

    • Carolina Mendes

      Devi ter uma lei obrigando bolo de festa de ser de chocolate. Quer fazer bolo diferentão? Faz em casa e come sozinho.

    • http://papillon.blog.br Cláudio Gonzalez

      É mesmo. Bolo com papel comestível com a foto da criança é de lascar. E se tiver glacê feito de gordura hidrogenada, aí é literalmente a cereja no bolo. Aliás, cereja fake, feita de não sei o quê, totalmente artificial. Não vendem mais cereja de verdade neste mundo?

      • http://www.limobag.blogspot.com Luana Müller

        Claúdio, kkkkkk, essa cereja é artificial, FEITA DE CHUCHU + AÇÚCAR + CORANTE + AROMATIZANTE ARTIFICIAL. Hahahaha, morro de nojo disso. Gosto de chuchu refogado com alho mesmo….

  • http://www.facebook.com/delagostini Matheus Delagostini

    O que é Glee? É tipo internet?

    e levar bavaria e tomar Stella pode (desde que eu nao tenha sido convidado, claro) porque bavaria é a… “cerveja dos amigos”!

    nossa, mas aniversario sempre foi bem foda, nasci no mesmo dia do meu pai entao a festa era sempre dele, os convidados eram “só os amigos da familia mas voce pode chamar uns 3 ou 4 amiguinhos seus” e era sempre uma festa cheia de velho com churrasco, bolo “de adulto” tipo um marta rocha ou nozes (aqueles que criança nunca gosta) e nada, ou muito pouco, de doces… ae convidar os 3 ou 4 amigos já era complicado porque quais sao seus amigos de verdade e vao querer ir numa festa que vai estar uma dorga, manolo?

    depois que eu cresci (e essas festas se tornariam maravilhosas pra mim e para essa meia duzia de amigos) meu pai de repente parou de gostar de comemorar aniversario. “Quer fazer festa? pode fazer… com seu dinheiro” FUUUUUUUUUUU de novo! hahahaha

    • Carolina Mendes

      ahahahhahhahahahahahhahahhaha

      Isso é bullying.

  • http://www.criticozinha.blogspot.com Carolina

    Oi Carolina, acho que já deve ter notado que sigo fielmente seus posts e por isso ouso dizer: que trauma é esse que vc sempre menciona festas “gigantescas de milhões de reais”?!?! Vai me dizer que qdo criança, “na nossa epoca”, vc nunca quis uma Mc Festa Feliz?! (hahaha, confesso que eu nunca quis, mas era pq minha vó tinha uma casa enorme que comportava todos os meus amigos da rua)… mas, anfam, na famigerada decada de 80 esse era o supra-sumo-bala-ice-kiss do momento. Mas, como o tempo graçasadeus passa, hj o apice das festinhas mudou,então não condeno… alias, condeno uma situação, festas exorbitantes para crianças q completam um ano… elas nem sabem o que está se passando!!! Bom, deixando as festas de lado, qto ao bolo, concordo em genero, numero e grau com vc… PQP, nao tem coisa mais brochante para mim, que AMO bolo de aniversario, chegar numa festa e ver aquele bolo de pasta americana…não dá, nao existe bolo bom nessa categoria (ate pelas limitaçoes da pasta). Caraaaa,como eu gosto qdo vem aquele bolo gelado, derrentendo de tão cremoso saindo de uma caixa de isopor! Deixem a decoração toda para cima da caixa de isopor, ok?! Huuummm, até salivei! Sorte que amanha, tenho uma festinha de criança para ir, de uma amiga, assim como eu, enlouquecida por pecaminosos recheios de chocolate!

    • Carolina Mendes

      Trauma nenhum gata.

      Se tem uma coisa na minha vida que foi extraordinária foi minha infância.

      Só acho meio preocupante essa inserção de valores e status que acontece cada vez mais cedo nas crianças hoje em dia. Porque criança é um bicho que percebe tudo, e logo aprende a diferenciar quem tem mais e quem tem menos grana. Não acho isso bacana, acho que o mundo tá suficientemente cagado, e que essa maldade extra poderia vir um pouco mais tarde na vida dos mini hooligans.

      • Debora

        Concordo plenamente, festa de criança é para criança se divertir, não para os pais chamarem os amigos, enquanto a criança, de tão pequena já dormiu!
        Minhas festas sempre foram assim, de criança, com bolo de chocolate, coxinha, guaraná em garrafa enfeitando a mesa, alguns poucos adultos só pra acalmar a criançada, foto de parabéns com cara de nada e presentes legais!

        • http://www.criticozinha.blogspot.com Carolina

          Nossa Debora, vc me fez visualizar, hahahaha, garrafa de guaraná enfeitando a mesa, verdade!!! Minha mãe até colava uns bonequinhos nos gargalos das garrafas!

          Eu concordo muito com vcs sabe, esse lance de colocar valores “errados” nas crianças, mas, um dia desses que não pude trabalhar, fiquei de molho em casa vendo Tv e na parte da manhã, nos programas infantis, as propagandas eram verdadeiros bombardeios. Acho que para a maioria dos pais que fica 99% do tempo longe dos filhos por N motivos, é mais facil agradar e se fazer presente dizendo “sim”.

          Mas, pensemos, as crianças de hoje tem pais da nossa idade, pelo menos eu tenho várias amigas com rebentos de colo… ou seja, são gente da nossa geração que está passando esses tais valores distorcidos… será que o caminho não começou a entortar lá na decada de 80 não?!

          Ou vai me dizer que não era status ter a tal tesourinha “eu tenho, você não tem, eu tenho, você não tem” rs.
          O négocio que agora, a tesourinha se materializou em alguma quinquilharia digital com preços em torno de 4 digitos antes da virgula.

  • Lawrence

    Leio sua coluna desde a primeira e só gostaria de passar minhas felicitações… Dou MUITA risada sempre que as leio, e concordo com a maior parte.
    A frase sobre a pasta americana foi a melhor!
    Parabéns.

    • Carolina Mendes

      Opa. Lawrence.

      Obrigada!

      Incrível vc continuar me suportando.

  • http://algunsmomentos.blogspot.com Paulinho

    Saudade daquele bolo gelado de chocolate e coco que vinha enrolado em papel alumínio.

    • Carolina Mendes

      E o alumínio ficava melado e virava tudo uma meleca de amor.

  • Tatiane

    hahaha…amei! Concordo muito com o que vc escreveu Carolina. Meu casamento é em abril do ano que vem e me ofereceram o bolo fake no buffet…já vi alguns que vem até com a marquinha do corte pra tirar foto. Me nego a aceitar…quero bolo de festa da tia…não daqueles da padaria, nem os de pasta americana…o recheio de abacaxi eu topo..

    • Carolina Mendes

      Gente, FREE ABACAXI.

      Deixa ele ser só abacaxi.

  • http://Www.Flickr.com/vomariana Vó Mariana

    Carolina. O seu jeito de escrever é bem descontraído e verdadeiro. Quase morro do coração de tanto rir, quando leio o que você escreve. Realmente há verdades que precisam ser ditas. Fiquei triste e feliz ao mesmo tempo com este seu último texto. Feliz por que você eu já comi muito bolo ruim, e me senti vingada. Triste por que fazer esses bolos é o meu trabalho. E agora, o que é que eu faço? Te amo ou te odeio? Outra, devo incluir seu amigo ovo na decisão?

    • http://www.marketingnacozinha.com.br Rafael Mantesso

      A Carolina é uma fofa. Se tiver que arrumar briga, I AM THE KING.

      • Carolina Mendes

        <3
        <3
        <3

    • Carolina Mendes

      Pode me odiar, e como vingança fazer um bolo fodamente gostoso E bonito.

      Que tal?

      • http://Www.Flickr.com/vomariana Vó Mariana

        Deixa comigo. É só me dizer onde entregar, vou já pra cozinha… Quer escolher o tema?

  • Thati

    ai que vontade de bolo pullman com nutella!!!!!!!!!

    • Carolina Mendes

      Porra, nem me fale. Vou certamente ao super saindo do trabalho.

  • http://fernandodesouza.carbonmade.com Fernando de Souza

    Festa boa era aquela que o aniversariante saía chorando na foto porque outro moleque assoprou a velinha dele. Momento que só era revelado (literalmente) semanas depois.

    • Carolina Mendes

      VERDADE.

      • http://fernandodesouza.carbonmade.com Fernando de Souza

        E quando a foto saia antes do choro, a cara do moleque era igual a desse shrek de biscuit, um misto de resignação com surpresa.

  • http://lepitanga.blogspot.com/ Mariana (Le Pitanga)

    Carol, texto bem bão esse! Mas o título deveria ser “Festa de Criança”, afinal de bolo mesmo não teve muito.

    Agora, vc arrasa com uma frase dessa: “Mas não, festinha hoje o os pais têm que ir e ficar. Acho que deve ser manifestação da falência do casamento.”
    HAHAHAHAHAHAHA. Morri.
    Festa de criança é uma puta duma coisa nojenta! Todo mundo lá se gabando, mostrando quanto dinheiro tem com tudo que comprou pro filho. Inclusive o iPhone no aniversário de 3 anos.
    tsc tsc tsc…td errado.

    • Carolina Mendes

      Eu sempre digo: o mundo descendo a ladeira, de ré, na chuva, sem freios.

  • http://twitter.com/jesuislulu Lu

    meu deeeus eu odeio com todas as minhas forças festinhas de aniversário. aí me conseguem estragar a melhor parte: o bolo.
    me dá um bolo pullman de laranja com nutella, pfv!

    • Carolina Mendes

      Toco desejo, vou comprar hoje.

  • Laura

    Gosto de bolo decorado, no meu aniversário de 10 anos o bolo era coberto por merengue mal tingido de azul (minha mãe não quis colocar muito corante, ficou com medo) e uma barbie vestida de sereia em cima. Foi meu aniversário da pequena sereia e eu achei aquele bolo a coisa mais linda do mundo! Pra comer o tradicional cachorro quente feito com cacetinho (insira sua piada com gaúchos aqui), negrinho e branquinho, torta fria com muita maionese, nariz entupido e gelatina colorida feita em copinho de plásico de cafézinho que minha mãe considerava o must! O bolo era de chocolate, acho que com recheio de mumu (doce de leite).

    • Carolina Mendes

      Afe, deu fome.

    • http://palavras-diretas.blogspot.com Leonardo

      Cacetinho, negrinho, branquinho e mumu… Oi, conterrânea!
      Só pode porque é Semana Farroupilha. Viva o 20 de setembro!

  • Marcela

    Ainda bem que os amigos do meu marido que tem filhos fazem festinhas legais! Sempre tem pipoca, cachorro quente e coxinha, bolo gostoso de verdade e brigadeiro enrolado. Sério, que merda é aquela de brigadeiro no copinho?! E em muitas festas tem isso, ódio. Vou pelo brigadeiro e me aparece aquilo.
    Lembro das minhas festas de aniversário, com bolo com recheio de chocolate, com pedaços de bombom no meio, muitooooooo brigadeiro (eu ajudava a enrolar e comia =P)e torta de frango com pão de forma, como adoro essa torta!
    Eu já desisti de ir em festa dos mus primos pequenos ou dos primos do marido, povo fica inventando e fica uma chatice a festa, com bolo seco de frutas e sem brigadeiro!

    • Carolina Mendes

      Eu fico pensando no tanto de terapia que essas crianças vão ter que fazer no futuro.

    • Paula

      brigadeiro em copo = cobro mais caro, poluo o meio ambiente pq to com preguiça ou nao tenho paciencia pra enrolar!

  • http://www.panelaterapia.com Tati

    Infelizmente o ônus de quem consegue ter uma visão deliciosamente sarcástica da vida é que a autocrítica vem na mesma proporção. Psicologuei, mas adoro seus textos! Leio todos!
    Bom fim de semana!

    • Carolina Mendes

      Mas olha, num dói nada. Se a gente aprende a rir.

      Eu bem me divirto.

  • @dani_andrade

    Trabalhei por seis meses em um buffet infantil, e pior que as crianças alucinas com o açúcar eram os pais alucinados querendo provar qualquer coisa para os outros pais. Festas assim não são pras crianças, deixaram de ser há muito tempo. São pros pais mostrarem o quanto têm grana e obrigar os outros pais a agirem da mesma forma. E dá-lhe canapé (como disseram nos comentários) pra uma criançada que só queria coxinha.
    Deus defenda o bolo que a gente consegue comer no dia seguinte, gelado. E as coxinhas.

    • Carolina Mendes

      Não tinha nada de errado com eles, né?

      Só não impressionavam as cunhadas.

    • http://palavras-diretas.blogspot.com Leonardo

      O BOLO QUE SE COME NO OUTRO DIA, GELADO.
      Como eu era feliz comendo a torta do aniversário pelo resto da semana. Molhadinha, geladinha, que delícia.

      • Renata

        Bolo esse que vinha em uma “marmita” formada por: prato de plástico – bolo – guardanapo – salgadinhos – prato de plástico.
        Exatamente nessa ordem!

      • Carolina Mendes

        Delícia infinita.

  • http://www.cityalltech.com Rodrigo Barros

    Crise dos trinta né Carol. Liga não, depois passa.

    E o pior da pasta americana nem é o ‘Shrek que saiu troncho’ o sabor que é horrível. Eu mesmo já aboli bolo dos meus aniversários, só uns meio amigos que teimam em dar.

    And one more time, congrats by the text! =B

    • Carolina Mendes

      :)

      Obrigada.

  • http://memeria.tumblr.com MacCrow

    Pior que esses bolos enfeitados são a falta de lógica na logistica. Se o brigadeiro é o mais gostoso e procurado, whadda hell tem que ser o de menor quantidade na mesa ?

    • http://palavras-diretas.blogspot.com Leonardo

      Muito simples: a ideia é esfregar na cara da família quem é que tem grana pra fazer festa bacana e ainda obrigar o povo a comer comida ruim. Dupla vingança.

    • Carolina Mendes

      Tão simples agradar, né?

  • Denise

    Quando eu crescer, quero escrever como essa menina! Show!

    • Carolina Mendes

      Que bobagem. É só escrever infinitos textos que vc pega o jeito.

    • Carolina Mendes

      Fácil. É só escrever infinitos textos que vc pega o jeito.

  • http://palavras-diretas.blogspot.com Leonardo

    O problema é que festa de criança deixou de ser pra criança. Eles até se divertem na piscina de bolinhas ou pulando na cama elástica, mas não comem tão bem como a gente comia na infância. Essa que é a verdade.
    Festa de criança hoje serve só pra ostentar. Mas custava ostentar fazendo comida boa também? Eu que detesto festa de criança, só vou pra comer. Se tiver que aguentar música da Xuxa no último volume, criança berrando e pais se gabando, que pelo menos o doce fosse comestível.
    Concordo com o texto e com o que foi exposto. Pena que tem gente que não consegue entender a crítica social bem humorada que a Carolina faz, e sai a defender as artesãs/confeiteiras. Garanto que se comessem doce decente, mais feio e mais gostoso, não estariam reclamando.
    Bêjo Carolina.

    • Carolina Mendes

      Bjo Leonardo.

  • Estela

    Tb quero botão de curtir. Bolo bom: de chocolate, com recheio de doce de leite, cobertura de brigadeiro e forrado de chocolate granulado. 1 milhão de calorias muito bem comidas por pedaço.

    • http://palavras-diretas.blogspot.com Leonardo

      Obrigado, agora fiquei com fome.

    • Carolina Mendes

      Gente, vou fazer um jantar temático “festa infantil”.

      • Juliana Araújo

        Isso!
        Festa de aniversário e casamento viraram verdadeiros shows de exibicionismo! Pais e noivos, gastam além do que possuem em termos de condição financeira, para impressionar pessoas que nem são tão importantes assim! Porque será que atingir a simplicidade é tão difícil?
        Gente… Aniversário de criança tem que ter comidas e doces adaptados para o paladar das mesmas,ou seja: Cardápio simples!
        Estou odiando esta padronização das festas infantis!
        Com esta onda de buffets e parafernalhas cafonas, estão CAGALHOFANDO o real sentido de se comemorar uma festa, pois o aniversariante, virou apenas um detalhe nesses “eventos”.
        Carol, conheci seus textos através do D♥ e já virei fã! Vc toca sempre no intocável! Beijos para vc!

  • http://www.cupcakesrj.blogspot.com Letícia

    Amei o texto, faço cupcakes, mas com bolo de verdade, não essas receitas “americanizadas” que leva até óleo de soja…
    As festas da minha filha tem brigadeiro enroladinho, coxinha e bolinha de queijo, cachorro quente, mini pizza e gelatina no copinho.
    Convido só as crianças, pq quem repara na festa é adulto, as crianças se esbaldam, levam um monte de doce pra casa, e o bolo? Bolo de chocolate com recheio de brigadeiro ou doce de leite q se quiser comer, come na festa, levar pra mãe chata q vai comer e achar q o bolo tinha que ser de pêssego com recheio de frutas, ninguém merece…

    • Carolina Mendes

      BOLINHA DE QUEIJO: S2

    • Juliana Araújo

      Verdade!
      Quem repara nas festas são os adultos!
      Crianças curtem!

  • Arthur

    Ontem mesmo, teve o aniversário da dona do restaurante em que trabalho! um funcionário super aplicado (NOT) fez um bolo de abacaxi com coco, com direito a galces bi color e rosinhas de biscuit, detalhe para o irmão do papel crepom metalizado ao redor do bolo! Gente, bolo de aniversário é de chocolate, deixe o bolo de frutas pro café da tarde! Grato

    • Carolina Mendes

      Bolo de frutas nunca me convenceu.

  • Fernanda

    Pensava que bolo com recheio de ameixa/abacaxi/damasco era exclusividade de casamentos toscos… Faz tempo que não vou a festas infantis.

    • Carolina Mendes

      Tão invadindo tudo.

  • Carolina Mendes

    Gente, e o “O melhor bolo de chocolate do mundo” que fica em sp na Oscar freire, que é uma merda.

    Sério. Sujeito bota um nome desses na loja e faz um bolo médio pra ruim.

    PORQUE DEUS?

    • Juliana Araújo

      Puta de um marketing! rsrsrsrs

    • Ju

      Primeiro que nem bolo é, né…

  • Carolina

    Minha decepção começou muito cedo, aos 8, quando furtivamente tentei experimentar (cutucar) o bolo da festinha da minha prima e furei um amontoado de isopô! 10 anos depois, no aniversário de um ano da minha afilhada briguei pela hello kitty da cobertura (que parecia feita de leite condensado) e quase quebrei um dente por que ela era feita de biscuit! Fui num casamento em que o bolo custou 15 mil e o recheio de ameixa tinha gosto de merda. Cansei de desembalar o papel de beijinho e dar de cara com uma bala de morango. Cortei minha língua tentando lamber o fundo daqueles copinhos de brigadeiro, e agora tenho que tomar mais cuidado onde coloco minha língua.
    Seus textos são muito bons e lamento, assim como o Leonardo, que as pessoas não saquem que isso é um crítica social muito bacana.

    • Luiza

      Sacanagem com a pessoa isso, gente. Posso te dar um abraço?

      • Carolina Mendes

        Pode, eu deixei.

  • Camyla

    Vejam esse link, sem dúvida, a festinha de aniversário infantil mais brega ever, e o bolo idem:
    http://www.blogdathassia.com.br/br/jade-fashion-bday/

    • Juliana Araújo

      Fazer festa com o tema grife para uma criança, é de doer o ânus!

    • Clara

      Coitada da menina. Além de se chamar Jade, ainda é obrigada a ter uma festa dessas. E uma mãe dessas. Num tá certo isso não.

  • Helen Miranda

    Juro que tentei imaginar o que seria um bolo de fécula de batata. Estranho, realmente. Mas realmente, tem bolo de pasta americana que tem tanto badaluque que fica estranho. Uns são realmente bonitos e funcionais. Decoram o suficiente, e não atrapalha para comer. Amo seus textos, Carolina…

  • gislaine

    tem como nao amar a carolina? impossível!

  • Clara

    E quando fazem aquele bolo do tamanho do maracanã, com mil luzinhas, umas antenas (?) com uns trens bregas coloridos pendurados saindo do topo e 897 camadas? Aí você vai lá, todo pimposo, com a ideia utópica de que aquele bolo vai, na MELHOR das hipóteses, ao menos forrar seu estômago (por pior que seja o gosto) e aí você descobre que o dito cujo é de isopor. É DECORAÇÃO. Nego paga horrores por um bolo só. pra. tirar. foto. Os convidados que comam aqueles que vêm em caixa e são igualmente horríveis e desnecessários, né.

  • Nerisson Lux

    Que chata ! Parece uma velha reclamando de coisa que nem lembra mais: não sente o gosto das coisas e acha que tudo mudou… por favor !!!!Vai comer mingau ! melhor não, o gosto do que comia quando criança era melhor !

  • Bru

    Eu sempre peço um bolo de brigadeiro de aniversário, né?
    Aí uma vez a minha irma fez uma panqueca, de chocolate. :)
    Foi ótemo.

  • http://www.melecanacozinha.com Amanda

    A carolina já escreveu textos melhores, esse parece que teve que parar no meio… quanto ao conteúdo eu concordo, bolos com pasta americana são lindos, mas são o fim da picada. Eu amo brigadeiro até o fim da minha vida.

  • Giu

    Não ligo pra decorãção se o bolo for gostoso, mas geralmente parece que a gente come bucha vegetal.
    Fora que né. Vergonha alheira do carro alegórico fazendo as vezes de bolo na mesa.

    por festas com menos mini-quiches e a volta da carne louca!!

    Faz um manifesto dos mini quiches no próximo post!

  • Murilo Gallo

    Bolo bom é aquele classico de doce de leite cos pessegão em calda e um desenho escroto em cima, foda era o “”"chantilly”"” azedando, uma vez minha prima de 5 anos exclamou no meio da festa, nossa pai, é de Limão ! e Meu tio com o cantinho da boca, ” cala boca que tá azedooo…”

  • Mariana

    Esse DERREPENTE foi de propósito? De repente você queria mesmo chocar com uma pérola do português… sei lá…

    • Carolina Mendes

      Alá, mais uma.

  • Leonardo Tudeia

    ADORO, seus textos Carolina!

  • LUISA

    Os meus bolos eram feitos pela minha Avó querida e eram muito bons, mas quando inventavam de colocar aquela cobertura de fita de coco enroladinho. Aquilo era péssimo!
    Hoje sou louca pelo bolo da minha prima boleira profissional – três camadas (branco/chocolate/nozes) com recheio de doce de leite. É tudo de bom!
    Bolo seco é ruim, mas bolo encharcado de licor é horroroso também. Mas pessoas perderam a noção é tudo muito exagerado.

  • http://milalices.blogspot.com Lorena Rocco

    ‘Sou do tempo em que as pessoas compravam uma máquina analógica e um filme de 24 poses e tiravam fotos da tranqueira da festa e dos convidados com cara boa.’
    Na minha epoca tbm…

    Lá se vão mais varios motivos para não gostar de aniversários.

    ;)
    http://milalices.blogspot.com/

  • Luenne

    Sou do tempo do bolo feito em casa, molhado com guaraná de garrafa de vidro, recheado com brigadeiro de panela e coberto com granulado. Era bolo e não enfeite!

    • http://masquediaehojemesmo.blogspot.com/ Jujuana

      Consegui sentir o gosto!

  • Stella

    Por isso que opinião é que nem c*. Cada um tem a sua. Gosto de comer bolos de verdade, mas gosto de ver bolos iguais ao Cake Boss

  • Carlos Eduardo Cardoso

    Carolina,

    Mais uma vez você precisa se auto-afirmar com o uso da merda!!! Vamos dizer que isso é estilo próprio.
    Falastes uma série de verdades, incluise a que as pessoas não conseguem mais fazer um “a” sem que se esforçem para ele parecer um “AAAAA”… Culpa talvez do tal do “marketing pessoal” que eu como “marketeiro” abomino…

    Agora, olhando para o outro lado da coisa, não é isso que as pessoas estão afim de consumir hoje em dia?

    Comentar que você foi ao boteco da esquina comer um “x-bacon”? Vc está “out! Ir para o shopping comer o lanche que “faz todo mundo afinar” você está “in” É a tentativa da obtenção de status a qualquer custo.

    Aliás dizer que Stella Artois é cerveja boa para churrascada está no mesmo nível, viu !!!

  • http://masquediaehojemesmo.blogspot.com/ Jujuana

    “Sigo defendendo: troco seus bolos esculpidos de um milhão de dólares por um bolo Pullman e um pote de Nutella.”

    Muito AMOR pra você!!!!!!

  • Aline

    O melhor bolo do mundo é o bolo montanha, e a receita (que não precisa ser fielmente seguida) está em um caderno vermelho que era da minha bisavó, que passou pra minha vó, depois pra minha mãe e agora pra mim!

  • Luís

    “Segundo que as pessoas não tem o menor pudor…”

    Os verbos “ter” e “vir” devem ser acentuados na terceira pessoal do plural. A reforma ortográfica não mexeu nisso.

    • Carolina Mendes

      Erros de digitação, Se procrar direito, tem mais.

  • nanci

    Primeira vez comentando aqui na sua seção, tem vezes que concordo com você e outras não mas de bolo de aniversários você está 100% certa. Na minha época bolo, colorido sei lá como bolo com cobertura com corantes era pra poucos. A primeira vez que comi pasta americana foi uns dois anos atras, e nem foi tão bom. Não acredito que quando pequena babava por eles. Bolo bom é aqueles caseiros com muita cobertura pra fazer a alegria das crianças. E festinha é aquelas tradicionais que alguém como a mãe ou a empregada faz não essas que você gasta trocentos só pra se mostrar pros outros pais.

  • Renata Marcon

    Vou ser sincera, não lia os “Jantando no Orkut” desde o fatídico post sobre os frozen yogurt. Não sou fã de sorvetes gordurosos e realmente gosto das versões novas, enfim. Bobagem minha, eu sei.
    Hoje, preciso tirar o chapéu para você, Carolina! Tenho nojo desses bolos muito enfeitados e quase sempre secos. Parece mais isopor com açúcar, eca!
    Quanto aos cupcakes, também dispenso. Adoro muffins e acho que eles infelizmente perderam espaço pra essa modinha pôneis malditos, digo… cupcakes malditos.
    Abraços!

  • http://meninadecachos.blogspot.com Nina

    Ao invés de esculturas toscas e anti higiênicas de pasta americana, faz logo uma maquete, enfia um bolo bom embaixo e pronto!
    Depois do parabéns, é só tirar a maquete de cima e fazer os convidados felizes!

    • Carolina Mendes

      Mas isso é como era quando eu era pequena.

      Embaixo da caixa de isopor decorada, tinha um bolo melecado, enrolado no papel alumínio.

  • Cleiton

    Eu já trabalhei de garçom em buffet infantil (vai vendo o tamanho da desgraça), mas pelo menos lá o bolo era feito pela dona do buffet, que fazia os bolos mais simples e deliciosos do mundo. Apesar dos pesares (buffet infantil, trabalho semi-escravo, crianças chatas/pais insuportáveis) comer o resto dos bolos era vida.

    • Carolina Mendes

      Melhro bolo de chocolate do mundo é a sobra do segundo melhor bolo de chocolate do mundo.

  • Regina Trindade (@regtrindade)

    bolo bom era bolo que minha mãe fazia pra fora, com massa regada à guaraná quente, recheio de docinho de côco e glacê mesclado com caldinha de nescau, espalhado com o garfo pra dar um “surrealismo”.

    Prefiro comer cimento do que comer pasta americana.

  • Regina Trindade (@regtrindade)

    e isso aqui http://www.carlosbakery.com/WeddingCakes/Floral.php pra mim não é bolo, é chapéu das figurantes de titanic

  • Lorena

    ADOREI!!! Lembrei-me do meu casamento.
    Eu queria aqueles noivinhos normais sem nada de mais. Minha mae colocou na cabeca que deveria ser esses de biscuit. Falou tanto na minha cabeca que falei, faca o que voce quiser. Quando vi os noivinho ri muito. A única coisa parecida comigo era a cor do cabelo. O noivinho ficou igual ao Gugu Liberato.
    O bolo era uma delícia: chocolate com chocolate!!!

  • http://topgula.blogspot.com Tina

    Adorei o texto.
    Sempre tiro a pasta americana desses bolos e como o resto.
    Mas nada para mim supera o bolo “toalha felpuda” ou “bolo gelado de coco” embalado um a um no alumínio, que vinha dentro de um isopor e a gente comia nos aniversários de coleguinhas da escola.

  • Flávia

    Pelamor, cadê a coluna nova que não chega???? te amo, Carolina, sua linda!!!! Voto pelo aumento da sua frequência, aqui, ali e em todos os lugares!!!

  • http://mimosdaleila.blogspot.com/ Leila

    Amei amei amei…pela primeira vez encontro uma pessoa que não gosta de bolo de fécula aquilo é horrivel e o pessoal como e diz..- hum que delícia..e os cupcakes sempre achei tão lindo mais tão caro ai resolver eu mesma fazer para os meus pimpolhos e comprei muffis prontos coloquei um recheio decorei e os convidados acharam muito chic..ridículo..sabe tenho 40 anos e devido a alguns problemas foi aposentada. E a sociedade realmente me cobra muito…mas vivo feliz cuido dos meus pequenos, faço artesanato, cupcakes só que me recuso a comer bolo de fécula.ahahaha parabéns pelo seu talento!!!