1

quarta-feira, 28 de abril de 2010

O restaurante Robin de Bois em Montreal, no Canadá, não tem apenas o nome inspirado no bandido inglês Robin Hood (aquele que tirava dos ricos para dar aos mais pobres), todo o lucro é distribuído para instituições beneficentes. Dos 42 funcionários que trabalham no restaurante diariamente, 20 são voluntários. E a lista de espera para trabalhar de graça no Robin de Bois atualmente conta com 3.500 pessoas. Voluntários trabalham como ajudantes de cozinha, garçons ou garçonetes. A maioria dos clientes sabe que muitos funcionários são voluntários e por isso perdoa os eventuais esquecimentos e acidentes com bandejas que costumam acontecer com mais frequência que em restaurantes “normais”. E por outro lado, lotam o restaurante porque sabem que o contexto é beneficente. Genial!